1. RESUMO

Este é um resumo de um texto intitulado de " Comparando Duas Aproximações ao Acesso Remoto á Caixa de correio: IMAP Vs. POP" que foi escrito em 1993 e posteriormente actualizado. O propósito deste trabalho é fornecer uma base mais extensa aos paradigmas e protocolos de acesso a mensagens, e depois comparar especificamente o Internet's Post Office Protocol (POP) e o Internet Message Access Protocol (IMAP) no contexto de operação "online ".

Existem três paradigmas diferentes para aceder a mensagens remotamente armazenadas (ou caixas de correio).
Eles são: offline, online, e desligado.
Em operação "offline", o programa cliente de correio, ou "mail user agent" (MUA) , vai buscar as mensagens a um servidor de correio para a máquina onde o programa de correio está a correr e depois apaga-as do servidor.
Em operação "online", as mensagens permanecem na servidor de correio e manipuladas remotamente pelos programas cliente de correio.
Em operação "disconnected", um cliente de correio liga-se ao servidor de correio, faz uma cópia para "cache" das mensagens seleccionadas e desliga-se do servidor, mais tarde volta-se a ligar e resincroniza-se com o servidor.
Em ambos os modos de acesso, online e desligados, o correio permanece no servidor o que é importante quando as pessoas usam computadores diferentes em diferentes alturas para aceder às suas mensagens.

Qualquer um dos vários protocolos cliente-servidor poderia ser usado para aceder a mensagens armazenadas remotamente, inclusive protocolos de acesso a ficheiros com propósitos gerais (por exemplo NFS) e muitos outros protocolos de aplicação específicas, proprietários e outros mais aberto. Cada protocolo tem suas forças e fraquezas, mas para o propósitos desta discussão, os dois de interesse são o Post Office Protocol (POP) e o Internet Message Access Protocol (IMAP). Ambos os protocolos suportam completamente o modelo de operação offline. Se uma pessoa apenas precisa de aceder em modo offline, então o IMAP é overkill (aniquilado).

É objectivo deste trabalho (1º) mostrar que o suporte aos acessos online e desligado são essenciais para uma fracção crescente de utilizadores de correio, e (2º) o POP é inadequado para manter o acesso online e desligado apropriado, considerando que o IMAP faz um bom trabalho em todos os três paradigmas de acesso de mensagem. Isto não é uma acusação ao POP, já que o POP satisfaz inteiramente o objectivo para que foi desenhado, que foi o de processar as mensagens em modo offline. Em vez disso, é uma explicação da importância do modo de acesso online e desligado, e porque o IMAP é uma resposta muito melhor para esses modos de acesso.

Aqui estão algumas das funções, importantes para o acesso online e desligado, que estão disponível em IMAP mas não em POP:

Manipulação de pasta (directórios) remotos:
- Habilidade de acrescentar mensagens a uma pasta remota.
- Habilidade para definir por defeito ou do utilizador o estado das flags da mensagem.
- Permitir a actualização simultânea em pastas partilhadas.
- Uma nova notificação de correio.

Suporta múltiplas pastas:
- Habilidade para manipular pastas remotas diferentes da INBOX.
- Administração remota das pastas (listar/criar/apagar/renomear).
- Suporte para hierarquias de pastas.
- Satisfatório para aceder a dados diferentes do email, por exemplo, Noticias (NetNews), documentos.

Optimização do desempenho online:
- Métodos para determinar a estrutura da mensagem sem fazer o download da mensagem inteira.
- Busca selectiva de partes do corpo MIME.
- Pesquisa e selecção baseada no Servidor-baseado para minimizar transferência de dados.

Algumas destas capacidades são particularmente importantes quando a pessoa se está a ligar a um servidor com uma ligação de baixa velocidade, por exemplo através de ligações wireless. Certamente que essas capacidades fazem a diferença entre a utilizibilidade e a frustração.

Finalmente, IMAP foi pensado para aceitar novas extensões, então as suas as capacidades podem aumentar para satisfazer novas exigências.

As nossas conclusões, são então que a) a tecnologia de mensagens que só oferecem acesso offline é inadequado para as necessidades contemporâneas; b) IMAP fornece um suporte superior para o acesso online e desligado, além de suportar, operações em offline; c) um protocolo de aplicação-específico como o IMAP oferecem vantagens importantes em relação a protocolos de sistema de ficheiros genéricos, e d) considerando que IMAP é um super conjunto do POP, a única vantagem real do POP em relação ao IMAP reside no facto de existir mais software que suporta pop.